quinta-feira, 30 de junho de 2011

ENCONTRO REGIONAL DO SETORIAL DE CULTURA DO PT- RN EM CURRAIS NOVOS

Setorial De Cultura Pt


O Coletivo Setorial de Cultura do PT-RN convida a todos e todas a participar do Encontro Regional do Setorial de Cultura do PT-RN, no próximo dia 02 de Julho de 2011, sábado, em Currais Novos (Auditório do SINTE-RN, Av. Sílvio Bezerra de Melo, 763, Centro), com a presença do Secretário Nacional de Cultura do PT, Edmilson Souza.

A programação será a seguinte:

09h:00 – Informes do Setorial de Cultura na Reunião do Diretório Estadual do PT-RN – Assembléia Legislativa (Fala do Secretário Nacional);

12h:30 – Almoço em Currais Novos com  as presenças: do Secretário Nacional de Cultura do PT, Edmilson Souza, Fábio Lima, Dirigentes do PT em Currais Novos, Mandato do Vereador Odon Jr. e Membros do Setorial de Cultura;

15h:00 às 18h:00 – Abertura do Encontro em Currais Novos: A Importância do Setorial de Cultura do PT; Conjuntura Nacional, Estadual e Municipal; Deliberações e Apresentação Cultural.                                                 

A presidenta Dilma Rousseff falou durante a reunião dos países do Mercosul, no Paraguai

“No Mercosul, a prosperidade de um tem de ser a prosperidade de todos”





A presidenta Dilma Rousseff disse que o Mercosul deve enfatizar o desenvolvimento econômico e social dos países que integram o bloco econômico sul-americano. No entanto, a presidenta lembrou que, para seguir no rumo certo, é preciso avaliar o momento atual para, em seguida, pensar o futuro. Ela frisou que o mundo passa por grandes transformações.
“Que cada grande realização conjunta seja fonte de estímulo e inspiração para seguirmos adiante na plena realização de nossas excelentes perspectivas. No Mercosul, a prosperidade de um tem de ser a prosperidade de todos”, afirmou, ao discursar na primeira sessão da 41ª Cúpula de Presidentes dos Estados Partes do Mercosul e Estados Associados, em Assunção, capital do Paraguai.
Nesta parte do discurso, a presidenta lembrou que a crise financeira mundial de 2008 ainda não foi superada. Grandes economias, como os Estados Unidos, “passam por enormes dificuldades de recuperação, com a economia crescendo muito abaixo do esperado”. Enquanto isso, a União Europeia enfrenta situação dramática com seus membros passando por graves crises de ordem privada, fiscal e financeira. O caso da Grécia, de Portugal, da Irlanda e até da Espanha foram citados como exemplos de ter consequências negativas, afetando muitas economias.
Viagens internacionais
Dilma Rousseff afirmou também que “os países em desenvolvimento da América Latina, da Ásia e da África tem, nesse contexto, tido um desempenho muito mais dinâmico, mas muitos de nós tem sofrido as consequências do excesso de liquidez produzido pelos países ricos, que compromete nossa competitividade e tem sido o principal fator responsável pelas pressões inflacionárias existentes”.
Por isso, defendeu que os países do Mercosul mantenham-se sempre atentos. “Somente seremos capazes de seguir aprofundando as oportunidades que surgirão se tivermos uma estratégia conjunta sobre a vocação e o futuro do nosso bloco e, sobretudo, sobre a forma em que vamos nos inserir no mundo multipolar hoje em construção”, disse.
“Estou segura de que o Alto Representante-Geral do Mercosul, embaixador Samuel Pinheiro Guimarães, dará contribuição valiosa para esse exercício, promovendo ideias novas e propostas de ação.”
Após os cumprimentos de praxe, a presidenta Dilma deu início ao discurso com ênfase ao orgulho “de havermos acreditado no projeto de desenvolvimento voltado para a sociedade de nossos Países”. E prosseguiu: “Estamos construindo uma grande área sul-americana de paz, democracia, justiça social e desenvolvimento.”
Dilma Rousseff agradeceu aos parceiros do Mercosul pelo apoio a eleição do professor José Graziano da Silva ao cargo de diretor-geral da FAO. Ela disse estar convicta de que Graziano irá atuar “com o mais elevado sentido de profissionalismo em prol de todos os Estados Membros daquela importante Agência Especializada”. Segundo ela, a eleição de Graziano consistiu numa vitória nao somente do Brasil, mas de todo o grupo de países latino-americanos e caribenhos.
* com informações do Blog do Planalto.

PM encontra corpo na Baixada que pode ser de menino desaparecido Corpo foi achado na região onde Juan desapareceu no dia 20. Buscas foram temporariamente suspensas até a identificação do corpo.




As buscas ao menino Juan foram temporariamente suspensas depois que a Polícia Militar encontrou, por volta das 7h desta quinta-feira (30), o corpo de uma criança, em decomposição, em Belford Roxo, Baixada Fluminense, região onde Juan desapareceu no dia 20, durante uma operação na Favela Danon, em Nova Iguaçu. A polícia chegou ao local após uma denúncia anônima.

O coronel Sérgio Mendes, comandante do 20° BPM, confirmou a informação nesta manhã e aguarda a retirada do corpo do local para que seja confirmado se é ou não de Juan. As buscas ao menino, por policiais e cães farejadores, auxiliados por bombeiros, realizadas na quarta-feira (29), a partir de uma peça de roupa do garoto, foram suspensas ao anoitecer e seriam retomadas nesta manhã. Mas só serão retomadas se for confirmado que o corpo achado não se trata de Juan.
Segundo o comandante, o corpo está num córrego conhecido como Santa Lúcia. Policiais da Divisão de Homicídios (DH), que investigam o caso, foram chamados. 
Protesto na Alerj
Na tarde de quarta-feira (29), representantes de ONGs, familiares e amigos protestaram em frente à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) para lembrar o desaparecimento de Juan. Mais cedo, a mãe do menino reconheceu o chinelo usado pelo filho no dia do sumiço. Ela afirmou que o calçado era dela, mas o filho pediu para usá-lo.
Nesta quarta-feira (29), a mãe de Juan foi ao Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, na Baixada Fluminense, onde está internado seu outro filho, Wesley de 14 anos, também ferido durante a operação. Da unidade ela seguiu para uma reunião com representantes da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio. Ela será convidada a participar do Programa de Proteção à Testemunhas, mas ainda deve aguardar a liberação do filho Wesley.
Desaparecido há 10 dias Disque-Denúncia lança cartaz
Para conseguir pistas sobre o menino, o Disque-Denúncia lançou nesta quarta-feira (29) um cartaz com uma foto de Juan. A central já recebeu algumas ligações e a expectativa é de que com a divulgação desse cartaz, o número de denúncias aumente. Quem tiver informações sobre o paradeiro do menino pode ligar para o número (21) 2253-1177. O anonimato é garantido.
O menino Juan, de 11 anos, desapareceu no dia 20, durante uma troca de tiros entre criminosos e policiais militares, na Favela Danon, onde mora, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. No tiroteio, um homem apontado pela polícia como traficante foi morto. Na 56ª DP (Comendador Soares), os três PMs do 20º BPM (Mesquita) que participaram da ação disseram não ter visto Juan no local, mas afirmaram que viram o irmão do menino, Wesley, que foi atingido por uma bala perdida no confronto.
A mãe do menino, Rosinéia de Moraes, passou a procurar pelo filho sempre com uma foto dele nas mãos e a Polícia Militar começou a investigar se os PMs têm algum envolvimento no desaparecimento de Juan.
“Segundo a mãe deles, Wesley disse que viu o irmão baleado na localidade, mas segundo os policiais militares, eles não viram Juan”, disse o delegado da 56ª DP (Comendador Soares), Rafael Ferrão, que esteve à frente das investigações. G1.

China inaugura a maior ponte sobre mar do mundo Estrutura tem 36,5 km de extensão e liga dois pontos importantes da cidade de Qingdao; no Brasil, ponte Rio-Niterói tem 13,3 km

China inaugurou nesta quinta-feira a mais longa ponte sobre o mar do mundo, com 36,48 quilômetros, na cidade litorânea de Qingdao, informou a agência oficial "Xinhua".
Foto: China Daily / Reuters
A ponte, que teve investimento de US$ 2,3 bilhões (R$ R$ 3,6 bilhões) e levou quatro anos para ser construída, liga o centro da cidade ao seu subúrbio de Huangdao, nos dois lados da baía de Jiazhou.
Com esta ponte, a distância entre os dois pontos de um dos principais portos da China - e sede das competições de vela nas Olimpíadas de 2008 - poderá ser percorrida com redução de 20 a 40 minutos.
A nova ponte supera a da baía de Hangzhou, também no leste da China e que com 36 quilômetros era considerada a mais longa do mundo até hoje.
Há várias pontes sobre terra mais longas no mundo, sendo que as três primeiras também estão na China. A maior delas é um lance elevado do trem de alta velocidade Pequim-Xangai, de 164,8 quilômetros, serviço que também foi inaugurado hoje.
A leva de novas obras de infraestrutura chinesas se completou nesta quinta-feira com a inauguração do mais longo gasoduto do mundo, que levará o gás natural desde o Turcomenistão, na Ásia Central, até a China, em percurso de 8.700 quilômetros.
O gasoduto foi construído com investimento US$ 21,98 bilhões e é o segundo que levará gás natural da Ásia Central ao leste da China.
As inaugurações coincidem com o 90º aniversário do Partido Comunista da China, fundado em 1º de julho de 1921.
A data será lembrada com atos comemorativos no Grande Palácio do Povo, em Pequim, e em muitas outras cidades do país asiático.IG.

PMDB NÃO!

Marina recusa convite para se filiar ao PMDB

Ufa! Nem tudo está perdido... Leiam a reportagem de Christiane Samarco,
 jornalista de O Estado de S.Paulo:




O PMDB ouviu um primeiro não de Marina Silva. Informado de que a ex-presidenciável do PV vai deixar a legenda nos próximos dias, o presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), antecipou-se ontem, convidando-a para ingressar no partido. Os dois falaram por telefone por volta das 10 horas da manhã, quando Marina agradeceu o convite de forma delicada, mas definitiva. "Para ser bem sincero, ela não deixou espaço para uma nova conversa", confidenciou Raupp a um aliado. 

Raupp estava disposto a levantar a bandeira do "PMDB Verde", acompanhando a ex-presidenciável em viagens Brasil afora, para que os dois fizessem juntos a defesa do desmatamento zero. Para atrair a ex-senadora, o presidente do PMDB também pensava em garantir-lhe a legenda, caso ela quisesse disputar o governo do Acre ou uma vaga no Senado em 2014. No telefonema, contudo, nem houve tempo para estender o assunto.

Raupp admite que Marina não lhe deu nenhuma esperança de que possa mudar de ideia, mas ainda assim propôs que os dois tomem um café, no dia em que ela estiver de volta a Brasília. Ela viajou ontem para a Alemanha, onde deverá manter contato com representantes de partidos verdes europeus.

A volta de Marina Silva ao Brasil está prevista para a próxima quarta-feira e o anúncio oficial de sua saída do PV está programado para ocorrer logo em seguida, na quinta ou sexta-feira.

Na conversa com Raupp, Marina confirmou que está de saída do PV, mas deixou claro que não aceitaria ingressar em nenhuma outra sigla que não fosse na linha do PV que ela sempre sonhou.

Ao comunicar a companheiros de partido sua decisão de deixar o PV, ela falou do projeto de articular a criação de uma nova legenda, a partir de 2013. Até lá, Marina deverá se abrigar em um movimento que já tem até nome: Verdes e Cidadania. Esta frente deverá agregar a maior parte do grupo que se filiou com ela ao PV em agosto de 2009, incluindo aí o empresário Guilherme Leal, seu candidato a vice-presidente na chapa do PV, nas eleições gerais do ano passado.

Reunião setorial de combate ao racismo do PT/RN


Atenciosamente, 
Ludjanio R. da Silva.

Mineiro faz balanço dos primeiros seis meses do governo Rosalba

Desde a tarde de ontem, 28, no plenário da ALRN, o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) vem fazendo uma explanação sobre os primeiros seis meses de governo da atual gestão estadual.

Nesta quarta-feira, 29, o deputado começou seu pronunciamento criticando a maneira indiferente pela qual o governo está tratando a situação de paralisia dos servidores no estado. Segundo ele, o governo disse que só dará uma resposta sobre o documento encaminhado pela Comissão Parlamentar (que está intermediando as negociações dos servidores em greve com o governo) na semana que vem.

“Me assusta essa indiferença por parte do Governo do Estado. Pois este é um assunto de urgência, já que vários setores estão parados no RN”, ressaltou o parlamentar.
Em seguida o deputado começou a citar as inúmeras obras inacabadas ou suspensas pela administração estadual. “Esse é o preço que a sociedade potiguar está pagando”, disse ele. Entre elas estão obras de esgotamento sanitário e abastecimento de água no interior do estado.

ALGUMAS OBRAS PARALISADAS PELO GOVERNO ROSALBA-DEM

Nº    OBRAS/SERVIÇOS    DIÁRIO OFICIAL 
1.        Execução das Obras Hidroambientais e de Contenção de Sedimentos.      11/03/2011

2.        Execução das Obras de Implantação de Sistemas de Abastecimento de Água nas comunidades rurais de Rio do Meio e Salgado I e II, no município de Cruzeta; Saudade, no município de Serra Negra do Norte e construção de Reservatórios de Água com capacidade de 150M3 e de 20M3, e Stand-Pipe de 20M3, para beneficiar o Sistema de Abastecimento d´água nas comunidades de Santa Maria, Tapuio, Mulungu e São José da Passagem, no município de Santana do Matos.       11/03/2011

3.        Serviços de Ampliação e Melhoria da Rede de Distribuição de Água das Comunidades Rurais de Palma, Barra da Espingarda e Laginha, no município de Caicó.      11/03/2011

4.        Execução de Serviços de Construção dos Sistemas de Abastecimento D´água nas comunidades rurais de Povoado da Cruz e São Sebastião, no município de Currais Novos/RN e comunidades rurais de Barra do Araçá e Garcia no município de São Fernando.      11/03/2011

5.        Execução das Obras e serviços de engenharia, relativos à implantação do Sistema de Abastecimento de Água, das comunidades de Guajiru, Baixa da Quixaba, Exu Queimado, Praia do Marco, Acauã, Barreiros, B. Campo, Cajá, Quilombo, Santo Antônio, Alto da Aroeira, Quixabeirinha, pertencentes aos municípios de Parazinho, Pedra Grande, São Bento do Norte e Caiçara do Norte/RN, derivados da Adutora do Boqueirão.        11/03/2011

6.        Execução de Obras e serviços de engenharia, com fornecimento de material e equipamentos, relativos à implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário da cidade de Tibau do Sul/RN, e à ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário de Pipa, em Tibau do Sul/RN.        11/03/2011

7.        Execução de Obras de Reforma do Hospital Giselda Trigueiro em Natal/RN.     11/03/2011

8.        Execução dos serviços de engenharia, com fornecimento de material e equipamento, com a finalidade de implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário da parte das Bacias M, J e O da Zona Sul, nas quais está inserida a sub zona de uso restrito – SZ – 2, correspondente aos Loteamentos “San Vale” e Parque das Colinas”, em Natal/RN.    12/03/2011

9.        Aquisição de Micromedidores Velocimétricos Unijato e Multijato e Conexões.     12/03/2011.

10.        Fornecimento de Tubos e Conexões para ampliação do Sistema Adutor Agreste/Trairí/Potengi.      

11.        Execução dos serviços de engenharia, relativos à ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário da Bacia G Sul e implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário da Bacia H3 (Bacia H Sul), em Natal/RN.        18/05/2011

12.        Os Serviços de Implantação, Obras D´ Artes Correntes, Drenagem, Pavimentação, Obras D´ Artes Especiais e Complementes no Trecho: Prolongamento da Av. Prudente de Morais / O´Grady, Rodovia: RN – S/N, extensão de 4,200 Km, em razão da Adequação do Projeto Executivo (construção das passagens inferiores das ruas Caiapós e Tamanduateí).      26/05/2011

13.        Os serviços de elaboração de estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental e dos projetos executivos para implantação e pavimentação de 111,80 Km de rodovias integrantes do Pólo Costa das Dunas do Prodetur Nacional.     06/06/2011
Por Milena Chaves /Assessoria do mandato

Vereador apresenta requerimento solicitando convocação da Conferência Municipal de Juventude





O vereador Eraldo Paiva (PT) apresentou na sessão desta terça-feira (28) requerimento em que solicita ao prefeito Jaime Calado a convocação daConferência Municipal de Juventude em São Gonçalo do Amarante. O requerimento foi lido e aprovado durante a sessão.

Requerimento segue agora para o Conselho Municipal de Juventude de São Gonçalo do Amarante para que sejam dados os devidos encaminhamentos.

O processo da Conferência já está acontecendo em diversos estados e municípios, com a formação das comissões que vão organizar as etapas preparatórias para o encontro nacional, agendado para o período de 9 a 12 de dezembro, em Brasília.
 A 2ª Conferência Nacional de Juventude foi lançada oficialmente no dia 07 de junho, no Palácio do Planalto, pela Secretaria Nacional de Juventude, vinculada à Secretaria-Geral da Presidência da República, e pelo Conselho Nacional de Juventude (Conjuve).

Mais informações sobre a Conferência podem ser obtidas junto à Comissão Organizadora Nacional, pelo email conferencia.juventude@planalto.gov.br, pelo site: www.juventude.gov.br 

DEPUTADO ESTADUAL POTI JÚNIOR HOMENAGEA ABC POR SEUS 96 ANOS

Recebemos o convite do Deputado Estadual Poti Júnior-PMDB, que nesta quinta-feira (30), homenagea o ABC por seus 96 anos de história e conquista. O blog recebe o convite commuita honra e confirma presença no evento.
O Blog deseja muitos sucesso e realizações ao ABC e toda sua diretoria. Obrigado pelo convite Poti, e parabéns ABC.

Em 18 anos, 30 milhões de brasileiros deixaram a pobreza

Da Agência Estado, por Circe Bonatelli:



Um total de 29,3 milhões de brasileiros deixou a base da pirâmide econômica (baixa renda) nos últimos 18 anos. O número equivale à população do Peru, de acordo com a pesquisa "Os Emergentes dos Emergentes", divulgada nesta segunda-feira, 27, em São Paulo, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). 

O levantamento mostra que a população pertencente às classes D e E (com renda familiar de até R$ 1.200) caiu de 92,8 milhões em 1993 para 63,5 milhões em 2011. No mesmo período, a classe C (renda familiar entre R$ 1.200 e R$ 5.174) saltou de 45,6 milhões de brasileiros para 105,4 milhões, enquanto as classes A e B (renda familiar maior que R$ 5.174) juntas tiveram crescimento de 8,8 milhões para 22,5 milhões.

A pesquisa revela ainda que a diminuição do número pessoas de baixa renda foi impulsionada só a partir de 2003, quando as classes D e E juntas chegaram a ter 96,2 milhões de pessoas.

"O Brasil está se tornando um país normal. Antes, ele estava atrasado", afirmou Marcelo Neri, economista chefe do Centro de Políticas Sociais da FGV. Na avaliação dele, a melhoria na pirâmide econômica do País pode ser explicada por uma série de fatores encabeçados pelo aumento da oferta de empregos e pelo crescimento real da renda dos trabalhadores nos últimos anos.

A pesquisa mostra que a renda média dos brasileiros cresceu 2,7% entre maio de 2002 e maio de 2008, depois desacelerou para 0,5% entre os mesmos meses de 2008 e 2009, já descontados os efeitos sazonais. Em seguida, voltou a acelerar o crescimento para 4,6% entre maio de 2009 e maio de 2010, até chegar a alta de 6,1% entre os mesmos meses de 2010 e 2011, segundo a pesquisa da FGV, que também utiliza dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

"A classe média também é resultado do esforço dela mesma, que alcançou mais anos de educação na escola e passou a ter menos filhos", acrescentou Neri, lembrando que a educação e a quantidade de filhos também influenciam a mobilidade social.

O estudo da FGV mostra ainda que a classe média é a única que continua crescendo no País do ano passado pra cá. Neste período, a população que se encaixa na classe C aumentou de 53,6% para 55,05%, enquanto as classes A e B juntas recuaram de 11,98% para 11,76%, interrompendo a linha de alta apresentada nos últimos anos. Já a saída da população dos estratos de baixa renda seguiu o resultado dos últimos anos e voltou a cair, passando de 34,4% para 33,19%.

Campeã de emendas ao PNE, Fátima Bezerra recebe hoje o ministro da Educação


Fátima falou em defesa dos servidores das universidades

A Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) apresentou hoje de manhã (29/6), em Brasília, numa coletiva de imprensa, um Banco de Dados das emendas ao PL 8035/ 2010, que trata do Plano Nacional de Educação. A Undime revela, por exemplo, que 87 deputados apresentaram emendas, o que representa 17% do total. Outro fato que chamou a atenção é que a emenda mais repetida foi a que pede a laicidade nas escolas públicas, com dezessete apresentações. A deputada Fátima Bezerra foi a parlamentar que mais apresentou emendas, 514 no total.

Além de defender os 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação e a destinação de 50% do fundo social do pré-sal para o financiamento da área, Fátima Bezerra sugeriu mudanças na meta 17, que trata da valorização dos profissionais do magistério. “Queremos que a remuneração seja equiparada a dos demais profissionais com nível superior, e não ‘aproximada’, como defende a proposta original do governo”, argumentou a parlamentar.

A deputada subscreveu propostas de emendas apresentadas por entidades como UNE (União Nacional dos Estudantes), Ubes (União Brasileira de Estudantes Secundaristas), Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, e pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação), Fasubra, Proifes, Secretaria de Políticas para Mulheres e Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial, entre outras organizações.

“A nossa intenção, ao abraçar as propostas das entidades, é provocar a discussão. Quanto mais debatermos, maiores as chances de termos um PNE para valer, com mais recursos e envolvimento da sociedade na defesa de uma educação pública de qualidade”, defendeu Fátima Bezerra.

A presidenta da Comissão de Educação e Cultura, deputada Fátima Bezerra, foi representado na coletiva de imprensa pela coordenadora da CEC, Márcia Abreu. Falaram aos jornalistas a presidenta da Undime, Cleuza Repulho, os deputados Angelo Vanhoni (PT/PR), relator do PL e Gastão Vieira (PMDB/MA), presidente da Comissão Especial do PNE; Daniel Cara, coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação; Maria do Pilar Lacerda, Secretária de Educação Básica do Ministério da Educação e Roberto Leão, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação. A vice-presidenta da Undime, Maria Cecília Amendola da Motta também participou da coletiva.

Mais informações sobre o Banco de Dados podem ser obtidas no site www.undime.org.br. Lá, é possível saber as emendas apresentadas pelos parlamentares ao PNE, divididas por metas e estratégias.

Dilma sobre os aliados: "Na chantagem, não me dobram"


Estabeleceu-se entre Dilma Rousseff e os partidos que a apoiam no Congresso uma atmosfera de mesa de pôquer.

A presidente decidiu jogar o peso de sua autoridade no pano verde das incertezas legislativas. Nega-se a entegar R$ 4 bilhões “exigidos” pelos aliados.

Os líderes governistas na Câmara, à frente Henrique Eduardo Alves (PMDB), arrastaram sua fichas: sem as verbas, as votações vão desandar.

Informada da ameaça, Dilma dobrou a aposta. Disse que não prorrogará o decreto que cancela nesta quinta (30) as emendas reivindicadas pelos parlamentares.

Numa conversa privada com dois auxiliares, Dilma soou assim: “Se acham que vão me dobrar na base da chantagem, estão enganados”.

Dilma contrapõe à exigência dos congressistas o “interesse nacional”. Esgrime argumentos que, segundo imagina, encontrarão eco na opinião pública.

Alega que, cedendo aos congressistas, prejudicaria o equilíbrio fiscal num instante em que o governo corta R$ 50 bilhões do orçamento. 

Sustenta, de resto, que a parcimônia no manuseio da chave do cofre é vital para manter sob controle as taxas de inflação.

A “chantagem” foi levada a Dilma pela ministra Ideli Salvatti (Coordenação Política). A presidente recebia no Alvorada senadores do PSB, PDT e PCdoB (foto no alto).

Ideli passara a manhã com a cintura encostada no balcão. Reunira-se com a bancada de deputados do PT. Almoçara picadinho e camarão providos por Henrique Alves.

O anfitrião arrastara para a mesa os líderes dos demais partidos que integram o consórcio governista. 

Henrique relatou o andamento do repasto em tempo real, no twitter. Absteve-se despejar na web todo veneno servido a Ideli.

Ficou entendido que, sem as verbas das emendas de anos anteriores, levadas ao orçamento de 2011 na rubrica “restos a pagar”, a Câmara se rebelaria.

A sublevação poderia manifestar-se horas depois, na votação noturna do regime que estabelece rito acelerado às licitações das obras da Copa e das Olimpíadas.

Presente ao almoço, o petista Cândido Vaccarezza, líder de Dilma na Câmara, disse que, à falta das emendas, ficaria difícil “segurar” os aliados.

Com as palavras dos líderes atravessadas na traquéia, Ideli foi ao encontro de Dilma. No Alvorada, puxou-a pela braço. Disse-lhe que precisava conversar a sós.

Dilma pediu licença aos senadores que a rodeavam. Em privado, trocou um dedo de prosa com Ideli. Voltou à sala com cara de poucos amigos.

Declarou aos senadores, segundo relatos recolhidos pelo blog, que os deputados a estavam pressionando a tomar decisões inadequadas. Fincou o pé. 

Voltou a dizer que não vai prorrogar o decreto das emendas. Obras e serviços não licitados até esta quinta (30) vão ao arquivo. E ponto.

Mais tarde, Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), um dos senadores que passaram pelo Alvorada, escalou a tribuna do Senado.

Em meio a elogios às políticas econômica e social do governo, endossou a decisão de Dilma. Responsabilizou os prefeitos pela encrenca das emendas.

Disse que os gestores municipais não foram capazes de demonstrar a viabilidade técnica dos gastos enganchados no orçamento nos anos de 2008, 2009 e 2010.

Estabelecido o impasse, Ideli repassou aos deputados a decisão de Dilma. Numa tentativa vã de simular prestígio, anunciou a liberação de R$ 150 milhões.

Longe de adocicar os ânimos, a novidade tonificou o azedume. Por quê? As emendas sob o selo de "restos a pagar" somam R$ 4,750 bilhões.

Há cerca de dois meses, num encontro com prefeitos, Dilma comprometera-se a liberar R$ 750 milhões. Mas soltou apenas R$ 500 milhões.

Ou seja: os R$ 150 milhões levados à mesa por Ideli não cobrem nem a diferença do que já estava prometido: R$ 250 milhões.

Com o humor conspurcado, os deputados foram ao plenário. Depois de passar o dia rugindo como leões, miaram à noite.

Levada a voto, a proposta que flexibiliza as licitações da Copa e das Olimpíadas foi aprovada com as alterações que o governo consentiu.

Significa dizer que, na primeira rodada do pôquer, Dilma prevaleceu sobre a “chantagem”. Seus apoiadores alegam que lhe deram um “voto de confiança”.

Asseguram que, se não recuar, Dilma será chamuscada pela reação de uma coligação em chamas. Será? 

Além das emendas, há os cargos. E a presidente, na cadeira há escassos seus meses, ainda manuseia uma caneta cheia. Do Brasília Urgente.

É brincadeira isso.Em que mundo vive a prefeita de Natal?

Micarla de Souza, a desastrada e desastrosa prefeita da capital norte-rio-grandense, disse hoje a um repórter da Folha de S.Paulo que os movimentos de protesto contra a sua administração não são reais e só existem na internet.
O Fora, Micarla
, por exemplo, que mobilizou a cidade e ganhou as páginas de toda a imprensa nacional, certamente não aconteceu.

Em que mundo vive a alcaidessa natalense?

Será que ela não percebeu ainda a gravidade do seu desgoverno e dos inúmeros e incontáveis atos administrativos que em qualquer país sério já teria provocado não só um impeachment, mas também uma prisão sem direito a sursis


Micarla de Souza não tem problemas cardíacos, como se noticiou nos últimos dias na Natal que ela destruiu em dois anos e meio.

O que a prefeita tem é um grande, um enorme, e pelo visto incurável problema psiquiátrico.

Cliquem aqui, leiam a reportagem de Matheus Magenta, e depois digam se eu não tenho razão...

Do Brasília Urgente

Leia também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...