quarta-feira, 27 de maio de 2015

PT requer depoimentos de Aécio e Agripino Maia à CPI da Petrobras


Depoimentos envolvem presidentes do PSDB e DEM em suspeitas de irregularidades.

O Partido dos Trabalhadores apresentará nesta quinta-feira (14) na CPI da Petrobras requerimentos de convocação para ouvir os senadores Aécio Neves (MG), presidente do PSDB, e José Agripino Maia(RN), presidente do DEM.
No requerimento de convocação do ex-presidenciável Aécio Neves, a bancada petista na CPI argumenta que Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, citou o PSDB em delação premiada como beneficiário do esquema de corrupção investigado pela comissão de inquérito.
O delator também disse que teria repassado R$ 10 milhões para o ex-presidente do partido tucano Sérgio Guerra para comprar o “esvaziamento” de possível investigação de irregulares na estatal no Congresso Nacional.
Tais informações foram reforçadas e complementadas em depoimento à Justiça por Leonardo Meirelles, auxiliar do doleiro Alberto Youssef, que disse haver outros tucanos beneficiados pelo esquema de pagamento de propina dentro da Petrobras, apontando inclusive que um dos parlamentares seria natural de Londrina (PR), mesma região do doleiro.
“Portanto, a oitiva do senador Aécio Neves é fundamental para que esta CPI possa elucidar os atos de corrupção que foram efetivamente praticados, os agentes corruptores, os beneficiários e o modus operandi utilizado, ao mesmo tempo em que possibilitará ao referido depoente defender a agremiação que preside de tais alegações”, afirmam os deputados no requerimento.
Já a convocação do senador Agripino Maia está embasada em acusação feita pelo empresário potiguar George Olímpio que disse ter repassado ao parlamentar R$ 1 milhão para permitir um esquema de corrupção no serviço de inspeção veicular, investigado pela Operação Sinal Fechado, do Ministério Público do Rio Grande do Norte. O empresário deu detalhes em seu depoimento dos encontros ocorridos com o senador e da repartição do dinheiro combinada com ele. Da Agência PT de Notícias, com informações PT na Câmara

#TaxaçãodeFortunas PT faz pressão por Imposto sobre Grandes Fortunas


A Câmara dos Deputados inicia nesta semana intensos debates sobre o projeto que pretende taxar as grandes fortunas. Após a aprovação das medidas provisórias 664 e 665, o foco do Partidos dos Trabalhadores na Casa é também aprovar este projeto e fazer com que a desigualdade social diminua.

O deputado Jorge Solla (PT-BA) disse o cenário econômico atual do País torna fundamental e urgente a continuidade do debate sobre o tema e a aprovação de lei complementar que regulamente o previsto na Constituição de 1988.

“O Congresso Nacional deve há 27 anos esta regulamentação para a sociedade brasileira. Estamos na expectativa para que finalmente essa dívida seja paga e possamos garantir mais recursos para a saúde, educação, infraestrutura e investimento em várias outras áreas”, explica.

Solla diz que o PT vai pressionar para que os mais ricos também contribuam com o ajuste necessário que deve ser feito na economia brasileira e pede a ajuda do povo nesta meta.

“Essa pauta vai começar a se tornar mais presente e a gente espera mobilizar a sociedade nessa direção. Vale lembrar que o Projeto de Lei 4330, que diz respeito a terceirização da atividade-fim, em pouco mais de uma semana cerca de 90 deputados mudaram seus votos por conta da pressão popular”, afirma.
Para o deputado, é essencial ter canais de interlocução abertos com a sociedade para conseguir com que o projeto seja aprovado e com rapidez.

Segundo o deputado Henrique Fontana (PT-RS), essa mudança na legislação seria extremamente justa já que esse é um setor da sociedade que paga, historicamente, poucos impostos.

“Este é um ato civilizatório. Temos desafios muito grandes em relação ao combate a desigualdade e a pobreza”, comenta. “O PT tem a aprovação desse projeto uma de suas grandes bandeiras no parlamento”, completa.

Países como França, Espanha, Holanda, Noruega, Argentina, Uruguai e Suíça adotam o sistema de arrecadação dentro das grandes fortunas. Esse imposto na França, por exemplo, se aproxima do que seria o tributo no Brasil.

O país tem alíquota progressiva de 0,5% até 1,8%, sendo arrecada em cima do valor mínimo de EUR 800 mil e máximo de EUR 16 milhões.


A previsão é de que o potencial de arrecadação do País seja de aproximadamente R$ 100 bilhões anuais com a taxação da riqueza, com uma alíquota de 1% aplicada sobre valores superiores a R$ 1 milhão. Por Danielle Cambraia, da Agência PT de Notícias

Perdeu Cunha, ganhou o Brasil! Em vitória petista, deputados rejeitam sistema de ‘distritão’

Câmara rejeita outras propostas e mantém sistema proporcional para eleição de deputados federais, estaduais e vereadores.

A Câmara dos Deputados rejeitou, na noite desta terça-feira (26), a proposta que pretendia estabelecer o sistema chamado ‘distritão’ para eleição de deputados federais, estaduais e vereadores.
Com 210 votos a favor e 267 contra, os deputados derrubaram a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 182/2007, que acabava com o sistema proporcional de votação, incluído no projeto de reforma política da Câmara.
O modelo de ‘distritão’ definiria por meio de voto majoritário quais os deputados e vereadores mais votados seriam eleitos.
Antes da votação, o deputado Henrique Fontana (PT-RS) alertou os demais parlamentares para o risco de desrespeitar uma parcela considerável de votos com a adoção do sistema.
“Nós não podemos jogar quase 50% dos votos dos brasileiros na lata do lixo. As pesquisas mostram que 39 milhões dos votos não influenciariam a composição do nosso parlamento, que deve representar a todos, inclusive a minoria”, declarou.
Para o deputado Alessandro Molon (PT-RJ), o sistema agrava a crise de representatividade do parlamento e enfraquece os partidos políticos. “É um retrocesso! Até 1945, o Brasil tinha esse sistema de voto majoritário para deputados e acabou porque ele era ultrapassado”, disse.
“Ninguém havia ousado propor algo tão nocivo para a democracia brasileira”, declarou o coordenador do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) e idealizador da Lei da Ficha Limpa, o juiz Márlon Reis.
Votaram contra o sistema o PT, PR, PSB, PDT, PPS, PV e PSOL. A favor, o bloco do PMDB, DEM, SD e PCdoB. As bancadas do PSDB, PSB e PROS, liberaram o voto.
Antes, os modelos de lista fechada e distrital misto, também votados nesta noite, foram rejeitados.
Em nota, o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), esclareceu a posição do partido em votar contra a proposta do voto em lista fechada. Segundo o deputado, a bancada do PT considera que tal assunto não deve ser objeto de PEC.
“Num momento posterior, após a votação da PEC em discussão, pretendemos debater esse tema na forma de projeto de lei”, explicou. Da Redação da Agência PT de Notícias

Forbes: Dilma é eleita a latino-americana mais poderosa do mundo

Revista elabora lista das 100 mulheres mais poderosas do mundo, na região da América Latina, a presidenta ocupa o 1º lugar, e no mundo aparece na 7º posição.

A revista norte-americana “Forbes” elegeu a presidenta Dilma Rousseff a mulher latino-americana mais poderosa do mundo. O ranking divulgado nesta terça-feira (26) revela o nome das 100 mulheres mais poderosas do mundo, onde a chefe de Estado brasileira ocupa a 1ª  posição na região da América Latina e o 7º lugar no planeta.
 
Na sequencia das latino-americanas da lista, vem Cristina Kirchner, que ocupa a 16ª colocação, e a chilena Michelle Bachelet, a 27ª.
 
No mundo, a chanceler alemã Angela Merkel lidera pelo 5º ano consecutivo a lista das 100 mais poderosas do mundo. Para a Forbes, em 2016 a pré-candidata democrata à presidencia dos EUA Hillary Clinton tem grandes chances de ocupar o primeiro posto no próximo ano. Este ano ela está em 2º lugar. Quem mantém a 3º posição é a filantropa Melinda Gates. Michelle Obama também está na lista e registra a 10º colocação.
 
A revista avalia o poder de acordo com a riqueza, poder midiático, e esferas de influência. Na lista há mulheres que trabalham nas áreas de política, negócios, finanças, tecnologia, mídia, entretenimento, que atuam em instituições de caridade, além de bilionários.
 
A lista inclui oito chefes de Estado e uma monarca, a britânica Rainha Elizabeth II, na 41º posição, à frente de países com um Produto Interno Bruto combinado de US$ 9,1 trilhões.
 
Entre os novos rostos da lista destacam-se os da chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini (36ª); a primeira-ministra polonesa, Ewa Kopacz (40ª), e a cantora Taylor Swift (64ª), que com 25 anos é a mais jovem.
 
Por Michelle Chiappa, da Agência PT de Notícias

Nota Oficial de Pesar do Diretório Estadual do PT/RN


Companheir@s, 


O Partido dos Trabalhadores do Rio Grande do Norte lamenta profundamente e cumpre o doloroso dever de informar em nome de seu presidente Eraldo Daniel de Paiva, dirigentes, filiados, militantes, parlamentares, familiares, o falecimento da companheira Anísia Maria de Oliveira Paiva. Filiada ao Partido dos Trabalhadores de São Gonçalo do Amarante, e cunhada do vereador e Presidente do PT Estadual Eraldo Paiva.

O velório acontecerá na casa de sua mãe, dona Pita na Rua da Floresta, 280. O sepultamento será às 16h00 no cemitério local.

O Diretório Estadual do PT/RN, em nome de todos os militantes PeTistas, manifesta sua solidariedade a toda família do companheira Anísia Maria de Oliveira Paiva.


Eraldo Daniel de Paiva
Presidente Estadual do Partido dos Trabalhadores/RN


“Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida”.
Aquele que crê em mim ainda que morto viverá. 

E todo aquele que vive e crê em mim, jamais morrerá". João 11:25-26.

REALMENTE CAIU NA GRAÇA DO POVO. Secretário do prefeito Jaime Calado foi condenado pelo TCE por irregularidades com dinheiro público

Paulo Emídio de Medeiros, foi nomeado secretário de habitação, regularização fundiária e saneamento em São Gonçalo do Amarante, RN. (Divulgação).

Ex-prefeito do município de São Fernando foi condenado a devolver 56 mil aos cofres públicos
Segundo publicação do TCE, o ex-prefeito do município de São Fernando, Paulo Emídio de Medeiros, foi condenado pela Segunda Câmara do Tribunal de Contas a ressarcir ao erário R$ 56.591,00, em face da omissão ao dever constitucional de prestar contas, diz o parecer do conselheiro relator Paulo Roberto Chaves Alves.
As contas eram referentes ao 1º bimestre de 2006 e foram questionadas pelo corpo técnico do TCE, que apurou ainda irregularidades em licitação na modalidade Tomada de Preço e concessão irregular de diárias no valor de R$ 330,00. O ex-gestor também não comprovou os gastos referentes a despesas com os empenhos 739 e 1350, que totalizaram o montante de R$ 56.261,00, com a devida correção monetária.
O relator ainda impôs ao ex-prefeito multa de 10% sobre o dano material mencionado e R$ 500,00 pela irregularidade com a licitação. Por decisão do colegiado, os autos serão encaminhados ao Ministério Público Estadual para apuração de responsabilidade. Ainda cabe recurso ao Tribunal Pleno.
Na mesma sessão da Segunda Câmara de Contas, foram aprovadas as contas da Prefeitura de São Fernando do 1º bimestre do exercício financeiro de 2010.
O ex-prefeito teve também suas contas reprovadas no exercício do mandato de 2008, a decisão também é do TCE. A decisão foi encaminhada aos vereadores.
Hemídio foi nomeado secretário de habitação, regularização fundiária e saneamento na gestão do prefeito Jaime Calado. A nomeação ocorreu em fevereiro de 2014.
No ano passado a secretária de habitação teve um volume de recursos movimentados superior a R$ 40 milhões. Hemídio é responsável por uma das pastas que mais movimenta recursos financeiros no município e coordena recursos federais a locais.
Procurado pela reportagem do FalaRN.com o secretário disse que já existe decisão judicial a seu favor. “Foi uma análise técnica do TCE, eu já recorri e existe decisão a meu favor na justiça. Eu não tinha tomado conhecimento na repercussão. Mas já estou tomando as providências para resolver”, declarou Paulo Emídio. Via http://falarn.com/

segunda-feira, 25 de maio de 2015

PT tem 16,6 mil novos filiados em 2015

petistas
O Partido dos Trabalhadores registrou, somente nos primeiros cinco meses deste ano, um aumento considerável do número de filiados. De acordo com o jornal “Estado de S. Paulo“, em matéria publicada neste domingo (24), foram 16.640 novas filiações até a última sexta-feira (22).

Em comparação ao mesmo período do ano passado, o número é 81% maior. Nos cinco primeiros meses de 2014, o partido recebeu 9.187 adesões. Apenas em abril de 2015, foram 10,8 mil filiados – no mesmo mês de 2014, foram 384 filiações.
Para o secretário de Comunicação da legenda, José Américo, o aumento no número de filiações pode ser visto como uma defesa do partido. Ele também considera que a organização da legenda nas redes sociais também pode ter influenciado nas adesões.
“Setores da base social do PT saíram em defesa do partido. Para eles, a forma de reagir é a filiação”, explicou o dirigente, em entrevista ao jornal.
Atualmente, o PT conta com 1.740.110 filiados e está presente em 84% dos municípios brasileiros. Ao todo, são 3.206 diretórios municipais e 1.494 comissões provisórias.
Além disso, 149 mil novos filiados aguardam na fila para fazer cursos de formação política obrigatórios para a formalização de adesões ao PT.
FONTE: Da Redação da Agência PT de Notícias, com informações do jornal “Estado de S. Paulo”

Correios confirmam centro internacional de distribuição para São Gonçalo

Aeroporto, que disputa hub da TAM, deverá ter CTI dos Correios.


Por Dinarte Assunção.

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) confirmou nesta segunda-feira (25) que pretende instalar no aeroporto de São Gonçalo do Amarante um Centro de Tratamento Internacional (CTI). A unidade será a primeira do Nordeste, segundo informou à reportagem do portalnoar.com a assessoria de imprensa do órgão.

Atualmente, são três as unidades de CTI no Brasil: Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro. Conforme a assessoria de imprensa do órgão, a unidade a ser instalada em Natal serviria para atender às demandas do Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Não foram estimados prazos para instalação e início das operações.

De acordo com as informações, técnicos da empresa de Brasília vieram a Natal no ano passado e iniciaram os estudos. De lá para cá, as tratativas avançaram e o consórcio Inframérica, gestor do aeroporto, já foi comunicado sobre a intenção dos Correios.

Além disso, até o momento, a empresa confirmou que vai abrir uma agência de atendimento comum no aeroporto. A assessoria informou que já tem espaço reservado, mas não soube informar data de inauguração.

A notícia vem no momento em que os rumores sobre o hub da TAM apontam para o favorecimento da capital potiguar. Natal disputa com Fortaleza e Recife a implantação de um centro de distribuição de voos. A companhia aérea promete anunciar a capital vencedora até o fim do ano.

O CTI é uma divisão dos Correios que centraliza todo tipo de encomendas e correspondências vindas do exterior. São três unidades da CTI no Brasil: Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro. Conforme a assessoria de imprensa do órgão, a unidade quer a empresa quer instalar em Natal serviria para atender às demandas do Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Brasil, um país desconhecido pelos brasileiros

Mateus Pereira/Secom

Um Brasil desconhecido de grande parte da população é tratado pela FAO como um caso de relevância internacional no combate à fome.

É um fato concreto que a versão veiculada pela mídia sobre o que acontece no país é totalmente desvirtuada e dirigida, segundo seus interesses empresariais e familiares. Em relação às políticas públicas voltadas para o combate à fome e a produção de alimentos pela agricultura familiar, que engloba trabalhadores e trabalhadoras assentadas, quilombolas, ribeirinhos, indígenas e o povo marginalizado há décadas nos nove estados nordestinos e o norte de Minas Gerais, que formam o semiárido. No final do ano passado a FAO, a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, lançou pela primeira vez o relatório sobre Segurança Alimentar e Nutricional inteiramente sobre um país, no caso, o Brasil. O documento começou a circular este ano, e têm versões em português, espanhol e inglês. Internamente a notícia veiculada rapidamente dava conta que o Brasil tinha saído do Mapa da Fome.
 
A FAO monitora mais de 180 países nos quesitos sobre insegurança alimentar. E o Brasil, desconhecido de grande parte da população, é tratado como um caso de relevância internacional, que passou a ser um exemplo e copiado por muitos outros países por suas políticas adotadas no combate à fome e a produção de alimentos pela agricultura familiar. Como esclareceu o representante da FAO no Brasil, Alan Bojanic:
 
Prioridade para segurança alimentar é política
 
“- A conjuntura do Brasil é caracterizada pela consolidação e institucionalização de políticas bem sucedidas de combate à fome e de promoção da segurança alimentar e nutricional (SAN), norteados pelo Direito à Alimentação Adequada, da ONU. O Brasil cumpriu e ultrapassou os Objetivos do Milênio no que diz respeito à redução da pobreza e da fome”.
 
A questão não é técnica e sim política, como define a própria Lei 11.346/2006, que é a Lei Orgânica de Segurança Alimentar e Nutricional, onde está definido o significado de tudo isso:
 
“- É a realização do direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, tendo como base práticas alimentares promotoras da saúde, que respeitem a diversidade cultural e que sejam social, econômica e ambientalmente sustentáveis. Não é um conceito técnico, é um conceito político, construído com intensa participação social”, escreve o dirigente da FAO no Brasil.
 
Brasil referência internacional
 
Por que o caso brasileiro se destaca, pergunta Alan Bojanic?
 
Por vários motivos: combate à fome como prioridade de Estado, sistema de governança da SAN, perspectiva do Direito Humano à Alimentação Adequada, processo participativo e intersetorial, políticas públicas articuladas e programas bem desenhados, monitoramento da SAN e convergência com a discussão internacional.
 
As ações funcionam em rede, tanto os programas sociais como o Bolsa Família, que em 2013 alcançou R$25 bilhões e atendeu 13,8 milhões de pessoas, mas todas as outras ações de apoio à agricultura familiar, como o PRONAF e os Programas de Aquisição de Alimentos e da Merenda Escolar, que no total somaram R$78 bilhões em 2013. Segue outro trecho do relatório Segurança Alimentar e Nutricional – Um Retrato Multidimensional, da FAO:
 
“- O Brasil já é hoje uma referência internacional de combate à fome. As experiências exitosas como transferência de renda, compras diretas para aquisição de alimentos, capacitação técnica de pequenos agricultores, entre outras, estão sendo transferidas para outros países. Os gastos sociais aumentaram mais de 128% entre 2000 e 2012 e a parcela no PIB aumentou 31%. O Bolsa Família que atingiu R$25 bilhões em 2013 e atendeu 13,8 milhões de famílias, sendo que o depósito é feito em nome da mãe preferencialmente e exige que as crianças permaneçam na escola e visitem os serviços de saúde.”
 
Estrutura fundiária concentrada
 
As famílias em situação de extrema pobreza, que foram o foco do programa Brasil Sem Miséria, lançado em 2011, e tornaram possível que estas famílias recebam um mínimo de renda per capita de US$1,25 por dia, segundo o relatório, retirou desta situação 22 milhões de brasileiros. Os investimentos em políticas que apoiam os agricultores familiares aumentaram 10 vezes em 10 anos, caso do PAA chegou a R$1,3 bi em 2013 e o PNAE atingiu 43 milhões de estudantes, no mesmo ano. Outra política pública ressaltada pela FAO: o acesso à terra, com a distribuição de 50 milhões de hectares a mais de 600 mil famílias nos último 10 anos, contando até 2012. Os números totais hoje em dia chegam a quase um milhão de famílias assentadas e 80 milhões de hectares.
 
Por fim, o Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, realizado em conjunto com a sociedade civil, está vinculado ao orçamento federal e um sistema bem estruturado de monitoramento multidimensional de segurança alimentar e nutricional. O Brasil é um país mundialmente importante na produção agrícola e diversidade de alimentos. Por outro lado, aspectos como a estrutura fundiária concentrada e a sustentabilidade do sistema adotado e o equilíbrio entre produção de commodities direcionadas para o mercado internacional e de alimentos para o consumo interno têm reflexos importantes na Segurança Alimentar e Nutricional da população e alguns grupos específicos.
 
Consumo excessivo de agrotóxicos e transição agroecológica
 
O relatório cita o fato do país ser líder na produção de laranja, cana e café, ocupar a segunda posição em soja, feijão e carne bovina, o terceiro em abacaxi e milho, o quarto na produção de leite de vaca e o quinto em limão e banana.
 
“- Ao mesmo tempo ainda existe uma parte da população em situação de insegurança alimentar, o que mostra que a quantidade de produção de alimentos de um país não se configura como um fator determinante no combate à fome. O mesmo ocorre nos Estados Unidos, também entre os maiores produtores de alimentos, onde quase 15% da população estão em situação de insegurança alimentar, sendo 5,7% em situação de insegurança alimentar grave”.
 
O relatório também registra que apenas metade das terras indígenas no país estão regularizadas e que apenas 10% dos quilombos identificados pela Fundação Palmares possuem título de terra. E faz o alerta para o consumo excessivo de agrotóxicos pela população brasileira.
 
“- Um terço dos alimentos consumidos na mesa dos brasileiros é contaminado por agroquímicos, sendo que mais de um quarto com substâncias proibidas para consumo no Brasil.”
 
Os avanços na democratização do acesso à terra em determinadas regiões e os modelos produtivos e de promoção da transição agroecológica, além da importância econômica da agricultura familiar, são questões que o Brasil precisa avançar, ainda conforme o relatório.
 
Dinheiro do PRONAF continuará o mesmo
 
Na semana passada a Confederação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (CONTAG) e seus quatro mil sindicatos espalhados no território brasileiro realizaram o 21º Grito da Terra com 80 mil pessoas mobilizadas. Os representantes da CONTAG se reuniram com a presidenta Dilma Rousseff e apresentaram uma pauta com 170 itens que foi respondida pelo governo federal. Neste encontro, o presidente da CONTAG, Alberto Broch disse à presidenta:
 
“- Não tenha medo de mexer no cofre dos grandes empresários, das mineradoras, mas não mexa nas populações rurais. Não mexa na reforma agrária”.
 
O Plano Safra da Agricultura Familiar será lançado no dia 15 de junho e deverá manter o patamar de R$25 bilhões para custeio e investimentos. O governo federal também se comprometeu a dirigir as compras públicas cada vez mais na direção da agricultura familiar. Também se comprometeu a entregar 10 mil moradias no Programa Minha Casa, Minha Vida Rural no próximo mês, uma da das reivindicações da CONTAG.
 
Sobre a reforma agrária, a secretária executiva do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Maria Fernanda Coelho esteve reunida no sábado, dia 23, em Recife, com os representantes da Federação dos Trabalhadores e trabalhadoras rurais – FETAPE – e anunciou que o governo federal vai assentar 120 mil famílias até 2018 – em condições qualificadas de luz, água, moradia, crédito e assistência técnica.
 
100 mil mulheres em agosto na capital federal
 
Em Recife ocorreu uma das maiores manifestações do Grito da Terra com cinco mil participantes. Eles caminharam até a sede do governo estadual, pois desde 2013 existe uma lei no estado que define ações em apoio ao povo do semiárido que até agora não receberam nenhuma resposta ou iniciativa do executivo. Os 179 sindicatos pernambucanos também reivindicam R$30 bilhões para o PRONAF e outros 20 bilhões para outros programas. Nas ruas da capital eles anunciaram o que a população brasileira precisa saber:
 
“- Quem coloca alimento na mesa da cidade precisa de apoio da sociedade”.
 
A FAO divulgou ainda nos últimos dias o relatório mundial sobre a fome, onde 805 milhões de pessoas passam por esse sacrifício todos os dias. No caso da África, um em cada quatro habitantes. Entretanto, mesmo sendo referência internacional o Brasil segue um desconhecido para os seus habitantes, porque aqui o único problema existente é a corrupção. E mais nada. Também não ficará sabendo que na última semana deste maio de 2015 acontece a Semana dos Alimentos Orgânicos com ações oficiais em 20 estados. Mas certamente vai ficar sabendo quem nos dias 11 e 12 de agosto 100 mil mulheres desfilarão pelas ruas de Brasília na 5ª Marcha das Margaridas. Essa vai ficar difícil de esconder.        






Créditos da foto: Mateus Pereira/Secom

RICHA: PEDIDO DE IMPEACHMENT É PROTOCOLADO COM 6 MIL ASSINATURAS

:
Documento recebeu o apoio de professores universitários e juristas, além da população do Paraná, e foi protocolado na tarde desta segunda-feira 25 na Assembleia Legislativa do Estado; o pedido de impeachment tem como foco central o massacre de professores e servidores públicos do dia 29 de abril, quando mais de 200 manifestantes saíram feridos pela PM durante protesto contra a votação do confisco da poupança previdenciária; processo depende agora de anuência do presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), que pode acatar ou não o pedido;

Blog do Esmael - O professor universitário, advogado e blogueiro Tarso Cabral Violin protocolou na tarde desta segunda-feira (25), na Assembleia Legislativa do Paraná, o primeiro pedido de impeachment do governador Beto Richa (PSDB). A petição foi subscrita por mais de seis mil paranaenses cujas assinaturas foram coletadas pela internet.
Os cidadãos ainda podem subscrever a petição que foi enviada hoje à Assembleia clicando aqui.
O pedido de impedimento (leia abaixo a íntegra do documento) tem como foco central o massacre de professores e servidores públicos, no dia 29 de abril, durante votação na Assembleia do confisco da poupança previdenciária.
Tarso responsabiliza diretamente o governador tucano pelo ferimento de mais de 200 pessoas no Centro Cívico.
O processo de impeachment depende de anuência do presidente da Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), que tem a prerrogativa de acatá-lo ou não. Caso opte pela tramitação serão necessários dois terços de votos dos 54 deputados.
Se o parlamento acatar o impedimento, quem assume o cargo é a vice-governadora Cida Borghetti (PROS).
Leia aqui a íntegra da petição.

“Fale com frequência, mas jamais longamente”


Rebeca Bedone, Revista Bula

“O que você faria se tivesse poucos meses de vida?” Um livro me surpreendeu com esta pergunta e me deixou inquieta. Na rotina diária de acordar, trabalhar e cumprir nosso papel social, mal paramos para pensar nessa questão. A não ser que descubramos uma doença fatal, não pensamos no dia em que morreremos.

Afinal, estamos vivos. Mas aí vem alguém e lhe joga esta pergunta, assim, do nada… O que você faria se soubesse que em breve morreria?

Acredito que pediríamos perdão a alguém que magoamos ou perdoaríamos de verdade aqueles que já se desculparam. Faríamos aquilo que a vida toda tivemos vontade, mas não o fizemos por medo. Alguns de nós declarariam uma paixão secreta, outros fariam as pazes. Tem aqueles que viajariam o mundo e os que ficariam mais tempo em casa.

E por que a brevidade da vida nos liberta para o amor? Não deveria ser o contrário, porque estamos vivos — independentemente da hora que chegar a nossa morte — é que sentimos o amor em sua plenitude?

Isso nos faz pensar que, às vezes, as coisas não estão do jeito que gostaríamos.

O ser humano é um insatisfeito por natureza e não vejo isso como defeito, mas como um estímulo à aprendizagem. O problema são aqueles que nunca estão satisfeitos e só reclamam, e não fazem esforço algum para mudar e evoluir. Mas nós seguimos em frente, pois sabemos que é possível ser feliz na incompletude, e procuramos preencher o vazio temporário das tristezas com esperança.

Onde o amor nasce ele cresce à medida que se doe mais do que se pede, e o inverso disso deve ser o que separa tanta gente. Nesse mundo de gente individualista e pegada a aparências, cada vez mais pessoas confundem amor com posse ou status social.

Quando começamos a perceber nossas reais vontades e quão grande é o nosso amor por nós mesmos, o compartilhamento de sentimentos bons e sinceros florece espontaneamente. Amor e liberdade caminham juntos. Precisamos amar sem querer nada em troca e ser livres porque temos amor.

Como amamos as risadas simples, os abraços inesperados e os pequenos detalhes. O nosso pai sentado no chão da sala brincando com os cachorros, e a nossa mãe cozinhando a mesma receita que a mãe dela fazia. É como o olhar carinhoso por nossos sobrinhos; e nossos irmãos, hoje, sendo amados duplamente quando amamos os filhos deles. O amor tem cheiro de pão, união e saudade.

Esse sentimento também está no olhar de nossos amigos quando estamos tristes e na festa que eles fazem quando ficamos alegres. Tem amor nos livros que ganhamos com dedicatória escrita à mão e nas cartas guardadas, nos desejos secretos e na esperança de amanhã. É como a espera ansiosa para encontrar alguém; e o sonho que nunca acaba.

Vamos! Vamos sem medo e sem segredos. Sem certezas absolutas, faremos desta conversa uma libertação. Uma dança entre as amarguras e as saudades, uma nova ponte do hoje para o amanhã. Na escuridão de nossos medos, abriremos as janelas do nosso coração.

Vamos nos amar porque ainda temos tempo!'

quarta-feira, 20 de maio de 2015

‪#‎PSDBteuPASSADOteCONDENA‬

Eis a melhor resposta ao jogo de mentiras e falsidades veiculado ontem à noite no programa de um partido que, quando governo, escondeu a própria corrupção debaixo do tapete.
O PSDB usa o programa para ocultar seus inúmeros malfeitos e ilicitudes. Não bastassem os escândalos do mensalão mineiro, do bilionário cartel do trensalão do governo de São Paulo, da denunciada propina de R$ 10 milhões para um ex-presidente do partido, os tucanos tentam desviar a atenção de sua mazela mais recente: a do governador que, acusado de receber propina, massacra os professores e aterroriza a população.
De memória curta e alentado prontuário, o candidato derrotado, cuja gestão em Minas Gerais devastou o Estado, invade o vídeo com indignação postiça e pureza inconvincente.
Pior que tudo é o ressurgimento daquele que, após deixar comprarem a sua reeleição, posa agora de campeão da moralidade. Triste papel a que foi relegado!
O PT não vai deixar que eles transformem a calúnia em verdade. Nem vai permitir que eles tentem nos cobrir com a lama de sua própria hipocrisia.
De imediato, estamos representando no TSE contra o programa. E vamos continuar combatendo a campanha suja, odiosa e reacionária dos tucanos e seus sequazes.

Presidente Nacional do PT. 

Veja na Agência #PT de Notícias http://goo.gl/9Un8AU

Um sinal de alerta foi dado: Os rejeitados pelo povo

Geraldo, Mendes e Barão são rejeitados pela população de São Gonçalo do Amarante. 
A Smart Pesquisas foi a campo em São Gonçalo do Amarante de 9 a 12 de maio e ouviu 421 eleitores, a pesquisa tem índice de confiança de 95% com margem de erro de 4%. Os números foram divulgados pelo Blog do BG.
Os vereadores Barão, Raimundo Mendes e Geraldo Veríssimo aparecem como os mais rejeitados pelo eleitorado. O cidadão não aceita o nome deles para uma possível disputa de prefeito em 2016. Se ficou ruim colocar o nome numa chapa majoritária, os resultados podem ser desfavoráveis também para reeleição. É bom os vereadores pensarem em sair da política.
A pesquisa estimulada apresentou os seguintes índices de rejeição de voto para prefeito de São Gonçalo do Amarante:
Barão 10,21%
Raimundo Mendes 9, 50%
Geraldo Veríssimo 8, 8%
Via Falarn.

Presidente e vereador do PT Eraldo Paiva faz campanha contra o preconceito racial no RN

No último sábado (16), Mineiro participou do lançamento da Campanha de Combate ao Racismo, promovida pela CUT na Comunidade Quilombola de Capoeiras, em Macaíba.
O objetivo da campanha é combater a ocorrência do racismo em todas as esferas da vida, defender políticas públicas que promovam a inclusão dos trabalhadores negros e denunciar o extermínio da juventude negra brasileira.
Fotos: Vlademir Alexandre.

Leia também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...